terça-feira, 25 de abril de 2017

Mais de 20 trabalhadores rurais são réus de ação que apura ataque a fazenda em Eldorado dos Carajás

A Justiça começou a ouvir nesta segunda-feira (24), em Marabá, no sudeste do Estado, os trabalhadores suspeitos de invadir e depredar uma fazenda na região. Essa foi a primeira audiência de instrução, dos 23 trabalhadores rurais acusados de invadir a fazenda Serra Norte, que fica em Eldorado dos Carajás, no mês de outubro de 2016.
A audiência está sendo realizada no fórum de Marabá. Ao todo, serão ouvidas 18 testemunhas de defesa e 04 de acusação. Os 23 acusados também estão sendo ouvidos.
Na época, todos foram presos em flagrante. Segundo a polícia, eles depredaram a sede da fazenda e incendiaram várias casas na propriedade. Com o grupo foram encontradas armas e munição.

De acordo o dono da fazenda, Geraldo Rodrigues, o ataque teria sido realizado por integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). O Movimento informou que não houve participação de integrantes do MST na invasão à fazenda e que condena esse tipo de violência. (G1/PA)